USUARIO
SENHA
NÃO SOU CADASTRADO
NÃO LEMBRO A SENHA/USUÁRIO

 


434 USUARIOS INSCRITOS
76 PROVAS FEITAS POR ASSINANTES
709 RECADOS DOS VISITANTES

NOSSO BANCO DE PROVAS TEM:
5423 QUESTÕES OBJETIVAS, PRECISAMENTE:

1235 DE CLINICA, 2181 DE PEDIATRIA, 1202 DE CIRURGIA, 188 DE OBSTETRICA-GINECOLOGIA, 338 DE SAUDE PUBLICA

84 QUESTÕES DISSERTATIVAS
130 CASOS CLINICOS

CUSTO DA ASSINATURA? ZERO REAIS E ZERO CENTAVOS POR MÊS!



OBJETIVA:
Uma criança sofreu acidente de imersão pulando de cabeça pra baixo numa piscina pouco funda, foi reanimada incialmente, mas na evolução,no segundo dia hospitalar, o exame da criança foi consistente com morte cerebral. Este diagnóstico não seria possível de estabelecer pelo exame clínico se:
A. a temperatura da criança fosse de 35°C
B. a temperatura da criança fosse de 36°C
C. o nível plasmatico de fenobarbital do paciente fosse igual ou superior a 10 mg/dL
D. o paciente possuísse uma fratura de C1-C2
E. o paciente possuísse uma fratura de L4-L5

DISCURSIVA:
(I) Quais são os intervalos de pontuação do índice de Apgar e o significado? (0,25 pontos)
(II) Quais são os métodos de avaliação da frequência cardíaca nos primeiros minutos de vida? (0,25 pontos)


CASO CLINICO:
Paciente do sexo masculino com 38 anos de idade refere dor epigástrica em queimação há 3 semanas, com piora associada a alimentação. Nega disfagia,vômitos e outros sintomas associados. Sem antecedentes patológicos dignos de nota não faz uso de nenhuma medicação.
Exame Físico: B. E. G., corado, hidratado, anictérico, acianótico.
PA: 120/70 mmHg; FC: 80 b.p.m; Ap. Resp.: MV+, sem RA, Ap CV: 2BRNF, sem sopros.
Abdominal: Plano, flácido, dor discreta á palpação de epigástrio, descompressão brusca negativa, sem visceromegalias e massas palpáveis.
1) Qual é o diagnóstico do paciente? (0,25 pontos)
2) Qual é a conduta mais adequada inicialmente? (0,25 pontos)