USUARIO
SENHA
NÃO SOU CADASTRADO
NÃO LEMBRO A SENHA/USUÁRIO

 

215 USUARIOS INSCRITOS
64 PROVAS FEITAS POR ASSINANTES
710 RECADOS DOS VISITANTES

NOSSO BANCO DE PROVAS TEM:
5148 QUESTÕES OBJETIVAS, PRECISAMENTE:

1217 DE CLINICA, 1938 DE PEDIATRIA, 1201 DE CIRURGIA, 186 DE OBSTETRICA-GINECOLOGIA, 326 DE SAUDE PUBLICA

72 QUESTÕES DISSERTATIVAS
121 CASOS CLINICOS

CUSTO DA ASSINATURA? ZERO REAIS E ZERO CENTAVOS POR MÊS!

OBJETIVA:
A complicação da tinea capitis com fenômeno kerion (doença inflamatória com lesões eritematosas e descamativas com alopécia) necessita de tratamento com:
A. ciclohexamina e cloranfenicol associadas
B. exposição da lesão á luz ultravioleta, utilizando lâmpada Wood
C. preparados topicos, associados aos antifungicos orais
D. corticóide oral, associado aos antifungicos orais
E. champô de sulfureto de selénio a 2,5% em associação com griseofulvina

RECOMENDAÇÃO PARA RESUMOS: NOVAPEDIATRIA.COM.BR
DISCURSIVA:
As anormalidades no desenvolvimento do esterno levam a quatro tipos de fissuras esternais. Enumeram esses defeitos e expliquem a significãncia de cada um

CASO CLINICO:
Uma mulher de 22 anos apresenta lesão cutânea em face (Foto), cansaço aos esforços, adinamia, mialgias e febre vespertina; o quadro clínico descrito teve início há cerca de 2 meses. Relata também perda ponderal que não soube quantificar. Há cerca de 24 horas surgiram petéquias em membros inferiores e a paciente relata intenso sangramento gengival após escovar os dentes.
Exames: Leucócitos 5.000/mm3 (2/5/0/0/5/55/23/10); Hb = 9 g/dL; Hto = 27%; VCM = 85 fL; plaquetas = 8.000/mm3; VHS = 80 mm/1ª hora.

1) Qual o diagnóstico da doença de base? Justifique! (0,25 pontos)
2) Descreva o que você encontrou de anormal nos exames hematológicos?(0,125 pontos)
3) Qual o diagnóstico da complicação apresentada nas últimas 24 horas?(0,0625 pontos)
4) Qual o tratamento da complicação (0,0625 pontos)?